Foto: Ronaldo Barreto/NETLUSA

O técnico Fernando Marchiori fez uma análise da vitória da Portuguesa sobre o Boavista por 1 a 0, hoje, no Rio de Janeiro. Em entrevista coletiva após a partida o comandante rubro-verde destacou o equilíbrio e intensidade da equipe, além de elogiar a parte física.

“Sabíamos que seria um confronto duríssimo, com uma temporada diferente para se adaptar o mais rápido possível. A equipe teve entrega, dedicação, cara de mata-mata, contra um adversário forte em casa. O primeiro tempo foi perfeito, muito equilibrado, controlamos bem o jogo”, disse.

LEIA MAIS:
Lusa assume a liderança da Série D e abre 6 pontos do 5º colocado
Portuguesa oficializa a contratação do volante Queven
CBF confirma VAR na Série D a partir das quartas de final
Em enquete, torcida acredita em classificação da Lusa com dificuldades na Série D

QUER VESTIR AS CORES DA LUSA?
Adquira aqui a camisa retrô da Portuguesa com frete grátis


“No segundo, quatro minutos após o gol, tivemos a infelicidade da expulsão [do Lucas Douglas]. A equipe se portou de forma plena, com equilíbrio e inteligência. Fisicamente a equipe se portou muito bem. Um tempo inteiro sem um jogador a menos e todos com nível de intensidade. Eu sempre falo para os jogadores que, com cinco trocas, os atletas que entram fazem muita diferença para manter um nível de intensidade altíssimo, e isso aconteceu”, complementou.

Com o triunfo, a Lusa chegou aos 15 pontos, assumiu a liderança do Grupo A7 e abriu seis pontos do quinto colocado, o Bangu. Marchiori exaltou a conquista.

“Era fundamental, no início do returno, criarmos uma gordura do quinto colocado. Então, sabíamos que era um jogo de seis pontos e conquistar pontos era fundamental. Somar três pontos é mais fundamental ainda. É dar sequência na nossa caminhada para concretizar o primeiro objetivo, que é a classificação”, concluiu.

A Portuguesa volta a campo no próximo sábado, 31, às 19h, quando enfrenta o Bangu-RJ, no estádio do Canindé. Como de praxe, o NETLUSA transmite com narração de Gomão Ribeiro.

Acompanhe o NETLUSA no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube

6 comentários

    • Alex, estou com você, também não me convence, o pensamento tem que ser mais desafiador, tem que pensar grande, olha o tamanho dos adversários e a tradição da nossa LUSA. Ex: ” Abrimos 4 pontos do 5o. colocado”. A tradição da Lusa diz que temos que abrir no mínimo 4 pontos do 2o.colocado.

  1. Estamos no caminho certo…acredito na longevidade no cargo desde que as vitórias aconteçam….e estão acontecendo…
    Acredito na subida para série C por terem mantido o técnico e ter dado um voto de confiança a ele e todo o elenco

    • Alex, estou com você, também não me convence, o pensamento tem que ser mais desafiador, tem que pensar grande, olha o tamanho dos adversários e a tradição da nossa LUSA. Ex: ” Abrimos 4 pontos do 5o. colocado”. A tradição da Lusa diz que temos que abrir no mínimo 4 pontos do 2o.colocado.

Atenção: este é um espaço para debate saudável sobre a Portuguesa. Respeite os colegas rubro-verdes do site. Ofensas são proibidas e o comentário não será publicado.

Please enter your comment!
Please enter your name here