Foto: Ronaldo Barreto/NETLUSA

A Portuguesa sai com um gosto amargo na sua volta ao Campeonato Brasileiro. Na estreia da Série D, a Lusa recebeu e empatou com o Cianorte-PR por 2 a 2, com gol sofrido aos 45 do segundo tempo. Victor, contra, e Lucas Douglas fizeram os gols da rubro-verde, que jogou de uniforme azul em homenagem aos 70 anos da Fita Azul.

Na estreia do novo torneio, o técnico Fernando Marchiori optou por escalar 11 jogadores que já estavam no elenco na Série A2. Apesar disso, o time se mostrou com um bom nível, ao menos diante do rival paranaense.

LEIA MAIS:
Lusa é, disparada, a equipe da Série D com mais participações na elite
Felipe Souza mira adaptação e vibra com chance na Portuguesa

Apresentado, Matheus Serafim fala sobre expectativa para estreia
Lusa fecha com volante Caio Martins para a Série D

Logo na primeira chance, a Portuguesa abriu o placar. Raphael Luz cobrou falta fechada do lado esquerdo, a bola passou por Diego Jussani e na tentativa de corte, o zagueiro Victor acabou jogando contra.

11 minutos depois, porém, a zaga da Lusa sofreu um contra-ataque que só foi parado por Caíque, que fez falta em Calabres dentro da área. O próprio meia fez a cobrança e empatou o jogo.

Aos 33, a Portuguesa pressionou a saída de bola do adversário e conseguiu roubar. Raphael Luz, de frente para o gol, arriscou o chute e a bola bateu na zaga. Para a sorte da Lusa, porém, Ermínio ficou com a sobra na grande área e cruzou para Lucas Douglas, sozinho, empurrar a bola para o fundo do gol.

No segundo tempo, o time rubro-verde chamou o Cianorte-PR para cima. Após as substituições, até conseguiu criar algumas chances, mas foi castigada no final com um gol sofrido aos 44 minutos por Wilson Júnior.

A Lusa volta a campo no próximo sábado (13), às 15h, contra o Madureira-RJ, fora de casa.

Ficha Técnica

Portuguesa 2×2 Cianorte-PR

Data: 05/06/2021
Hora: 19h
Local: estádio Oswaldo Teixeira Duarte, o Canindé, em São Paulo
Árbitro: Rubens Paulo Rodrigues dos Santos
Assistentes: Leandro Matos Feitosa e Amanda Pinto Matias
Quarto árbitro: Lucas Canetto Bellote

Portuguesa: Dheimison; Jeferfon Feijão, Fernando Lombardi, Diego Jussani e Dênis Neves (Marco); Caíque, Walfrido (Hudson) e Raphael Luz (Danilo Pereira); Lucas Douglas, Ermínio (Matheus Serafim) e Maykinho.
Técnico: Fernando Marchiori

Cianorte-PR: Bruno; Michel, Vitor (Samuel), Maurício e Rael; Escobar, Morelli e Calabres (Rafael Carvalheira); Erick Salles (Tales), Pachu (Wilson Júnior) e Buba (Léo Porto).
Técnico: João Burse.

Gols: Vitor (CIA, contra, aos 12’1ºT), Calabres (CIA, aos 25’1ºT), Lucas Douglas (POR, aos 33’1ºT) e Wilson Júnior (CIA, aos 45’2ºT)

Cartões amarelos: Ermínio, Caíque e Feijão (POR).

Acompanhe o NETLUSA no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitch, Twitter e YouTube

15 COMENTÁRIOS

  1. Até os 10 minutos do segundo tempo deu uma boa impressão. Ganhava o jogo por 2 X 1 e só não era 2 X 0 por mais uma vez o árbitro Rubens Paulo Rodrigues dos Santos-GO, inventou um pênalti absurdo. Mais uma vez somos roubados em pleno Canindé! Voltando ao jogo, depois dos 10 minutos da etapa final TODOS nossos problemas apareceram: preparo físico horrível, técnico inoperante no banco e quando muda, muda errado, jogadores sem nenhum nível para vestir a camisa da Portuguesa… O número 20, esqueci o nome do jogador, é muito fraco. O número 15, idem. Se já estava ruim, piorou. Como é possível contratar caras que mal conseguem dominar uma bola, não levantam a cabeça nunca, etc. Vai ser sofrimento todo jogo. E olha que o tal do Cianorte é um horror.

  2. A chave do clube foi entregue ao treinador. Ele faz o que quer, contrata quem quer e dispensa quem quer. Só que o problema é que ele não tem postura de vencedor. Tem postura de coitadista e derrotista. Coloca os amigos pra jogar, não sabe o que fazer pra mudar jogos e apóia-se sempre em desculpas. Não são com desculpas que a portuguesa vai conseguir vitórias. É com trabalho. O treinador não precisa vir a público dizer que não temos dinheiro. Nós sabemos. Sabemos há muito tempo. Só que sabemos também que jogamos um campeonato de mesmo nível. Todos os times tem as mesmas condições financeiras, com poucas exceções. É só desculpa, desculpa e desculpa e pouco futebol. O segundo tempo da portuguesa hoje foi vergonhoso. Nem time do interior do Piauí ganhando um jogo de time da capital seria tão covarde como foi a portuguesa hoje. Sentou no resultado e esperou o jogo acabar. Um completo descalabro. E tenho certeza que o treinador só continua sendo treinador pq não tem torcida no estádio. Pq se tivesse, já tinha sido corrido do canindé quando conseguiu empatar com o sertaozinho em casa. Presidente, se vc lê esse espaço, presta atenção : se fizermos sempre as mesmas coisas, teremos sempre os mesmos resultados.

    • Perfeito, Rodrigo! Esta pandemia tem livrado a cara do Fernando Marchiori. Na minha opinião, é um técnico muito fraco. Tem apoiadores na diretoria e por isso faz o quer e não é demitido.

  3. Sofrer gol aos 45 do segundo tempo da forma que tomou pela facilidade, já mostrou que o time não tem consistência de jogo e falta fôlego para um jogo inteiro. Não jogou nada no segundo tempo. E o Cianorte é um time fraco, falhou nos dois gols da portuguesa e muito mais. Com esse time, A Lusa não tem futuro. Pelo jogo de hoje, vamos sofrer no segundo tempo em todos os jogos. Imaginem quando jogarmos com times bem melhores que o Cianorte. Só Entraram jogadores no segundo tempo fraquíssimos. Entramos na Série D só para disputar, porque não acredito com esse time em classificação. Pra mim essa é a realidade, depois do jogo de hoje, mostrando o que a maioria dos torcedores já imaginavam.

  4. Time que quer manter o resultado por falta de condição física como mostrou a Portuguesa no segundo tempo não tem condição nenhuma de manter o resultado. Sem contar que os jogadores que entraram são horrorosos de ruins. O segundo gol que tomou é uma demonstração da fragilidade da defesa que é muito velha. O time do Cianorte é fraquíssimo. Quando pegarmos times mais fortes vai ser vergonhoso . Nós torcedores sempre temos esperança de melhoras no time mas infelizmente a nossa realidade é essa incompetência crônica que assolou o0 Canindé!

  5. Técnico bundão e time medíocre. Contrata 250 caras e não coloca nenhum pra jogar?
    Cadê o colombiano que parece que sabe fazer gol? Esse cara tinha que sair jogando.
    Não aprendem com os erros. PQP
    Castanheira pensei que vc era diferente, mas parece farinha do mesmo saco.
    Fora Marchiori já…..
    Quem sabe da tempo de consertar todas suas cagadas.
    É cedo pra cornetar? Melhor agora do que depois ficar lamentando.

  6. Uniforme diferente, mas o mesmo futebol de sempre. Postura inaceitável do time no segundo tempo. Jogando recuado dentro de casa contra um time fraquíssimo. Ainda tem gente que defende a permanência desse treinador. Deveria ter saído após o término do Paulista.

  7. Desde a A2 que estamos vendo que não temos um meia armador, só chutão, contrataram um monte de novo e nenhum “camisa 10” alguém que jogue com a cabeça erguida, que chame o jogo e cadencie. Em fim…. fomos garfados mais uma vez mas isso não tira os nossos próprios erros. Eu torço, mas é difícil.
    VAI LUSA!!

  8. As desculpas de que não tem dinheiro não colam mais, na série D são todos na mesma condição e muitos ainda pior. Esse Fernando MARCHIORI é medíocre, na copa Paulista aparecia, dava entrevista, agora se esconde e vive de desculpas. Só um trouxa para continuar acreditando nesse cara. Fora MARCHIORI, urgentemente. Se não conseguir contratar outro treinador, deixa um cone, pelo menos não vai atrapalhar.

  9. Com esses jogadores e um técnico que contrata seus parças do asilo não chegaremos a lugar nenhum. Chega de falar que não tem dinheiro. Há muito tempo que não montamos um bom time de futebol, competitivo, por falta de competência e conhecimento de futebol. É irritante ouvir sempre a mesma disculpa da falta de dinheiro. Clubes do interior de São Paulo e do Brasil com muito menos orçamento montam times com muito mais qualidade que a Portuguesa. Mudam os nomes mas parece que sempre são os mesmos jogadores sem qualidade. Será que no Brasil inteiro não existem jogadores de potencial e dos mesmos valores aos contratados. Esse é o problema da falta de visão e conhecimento no futebol da Portuguesa. Falta visão, conhecimento. competência e profissionalismo. São todos amadoristas.

  10. Minha escalação da Portuguesa com os atuais jogadores seria a seguinte:
    3-1-4-2
    GOL Thomazzella
    ZAG Caíque
    ZAG Diego Jussani
    ZAG Patrick
    VOL Léo Coca
    ALD Lucas Douglas
    MC Danilo Pereira
    MC Raphael Luz
    ALE Denis Neves
    ATA Misael
    ATA Ermínio

    No Segundo Tempo coloca F. Lombardi, V. Silva, F. Souza, M. Serafim, Maykinho.
    Nos Lugares de D. Jussani, D. Neves, D. Pereira ou Raphael Luz, Ermínio e Misael

  11. Com a qualidade do plantel de jogadores, até que o Marchiori faz muito. Convenhamos, com esse tipo de jogadores será que algum outro técnico faria melhor? E, com os recursos financeiros à disposição, será que alguma outra diretoria conseguiria resultados melhores? Enfim, é com essas condições concretas que vamos tentar subir para a Série C.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here