Registro da equipe da Lusa no ano de 1995 (Foto: Reprodução)

No dia 3 de dezembro de 1995, ou seja, há exatos 26 anos, a Portuguesa vencia o Palmeiras em jogo com quatro expulsões e dois gols de Flávio Guarujá. Em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, o atacante balançou as redes duas vezes no triunfo por 2 a 1.

A partida foi apitada por Alfredo Loebeling e disputada no antigo Parque Antártica. O estádio recebeu um público de 1.849 torcedores. Os gols da Lusa foram anotados aos 40 minutos do primeiro tempo e 17 do segundo. Já os donos da casa marcaram aos 32 da segunda etapa, com Nílson.

Nesta partida, quatro jogadores foram expulsos, sendo dois de cada lado. Pela Portuguesa, Roque e Vitor Hugo foram para o chuveiro mais cedo. No Palmeiras, Cafu e Antonio Carlos receberam o cartão vermelho.

> Apoie o NETLUSA e tenha benefícios exclusivos! <

Comandada pelo técnico Juninho Fonseca, a Lusa atuou com: Neneca; Zé Maria, Vitor Hugo, Fabrício e Zé Roberto; Capitão, Roque, Luizão e Tininho (Betinho); Tiba (César) e Flávio Guarujá (Edinho).

Em 1995, o Campeonato Brasileiro tinha fórmula bastante diferente da atual. Na primeira fase, os 24 clubes jogavam entre si em turno único. No entanto, distribuídos em dois grupos de 12. O primeiro turno era contra as equipes da mesma chave, ao passo que no segundo os jogos aconteciam contra o outro grupo.

Esse duelo entre Palmeiras e Portuguesa foi válido pela 11ª e última rodada do segundo turno. Nessa etapa, a Lusa terminou na quarta colocação, com 17 pontos. Na primeira, a Portuguesa ficou em quinto, com 18.

Destaque dessa partida, Flávio Guarujá defendeu a Lusa em 1995 e 1996. Vice-campeão brasileiro com o clube do Canindé, o atacante vestiu a camisa rubro-verde em 81 oportunidades e anotou 23 gols. Ao todo, ele atuou em 38 vitórias, 24 empates e 19 derrotas.

*com informações de Sérgio Luiz Henriques, historiador da Lusa e colaborador do Museu Histórico da Portuguesa, e do Almanaque da Lusa.

Acompanhe o NETLUSA no Facebook, Instagram, Telegram e YouTube

4 COMENTÁRIOS

  1. O time da foto foi o que jogou a maioria dos jogos do Paulistão daquele ano com Paulo César (goleiro), Gilmar (emprestado pelo São Paulo em troca pelo Bentinho), Paulinho McLaren, etc. Lembro deste jogo contra o Palmeiras. Costumava ouvir as partidas pela Rádio Globo. Tinha o Osvaldo Maciel, Oscar Ulisses e o “Pai da matéria”, Osmar Santos. Infelizmente neste ano de 95 o Osmar já havia sofrido acidente e não estava mais transmitindo as partidas. Saudade!

    • Verdade, o Paulo César (que vinha jogando muito) falhou feio contra o Corinthians. Perdeu com a mão, no finalzinho do jogo, para o Bernardo de cabeça. Vale lembrar que o mesmo Bernardo havia dado uma entrada criminosa no Caio que inclusive não pôde seguir na partida (ficou bastante tempo inativo por sinal). Apesar da revolta de todos, o jogador do Corinthians não recebeu o merecido cartão vermelho ficando assim em campo para ser nosso algoz em mais uma presepada de arbitragem contra a Portuguesa (ou a favor do Corinthians, como quiserem).

  2. Dos tempos que ainda jogávamos competições maiores, contra times grandes e em estádios descentes.
    Quem diria que hoje estaríamos assim: série A-2 (há sete ou oito anos, sei lá) e sem série nenhuma no brasileirão que nem tinha as séries “C” e “D”. É duca !

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here