Foto: Reprodução

A Justiça apreendeu nesta segunda-feira cinco troféus conquistados pela Portuguesa, entre elas, o da Série B de 2011, quando a equipe rubro-verde ficou conhecida como Barcelusa.

De acordo com informações apuradas pelo NETLUSA, as outras quatro taças são: Copa San Isidro, de 1951, Taça São Paulo (Copa Paulo Machado de Carvalho), de 1973, Taça Roberto Gomes Pedrosa, de 1973, e Torneio Governador Estado de São Paulo, de 1976.

A penhora aconteceu por causa de uma dívida de R$ 105 mil com o meio-campista Fran, que defendeu o clube em uma partida em 2014, na gestão de Ilídio Lico.

A reportagem do NETLUSA acompanhou a ação dos Oficiais de Justiça no Museu Histórico da Portuguesa. Caso o clube do Canindé não pague a dívida, os troféus serão levados a leilão.

Apesar da qualidade, imagem mostra troféus sendo retirados do Museu da Lusa (Foto: NETLUSA)

Em contato com o NETLUSA, o departamento jurídico da Portuguesa confirmou a informação e disse que tomará as atitudes cabíveis para reaver a memória portuguesa.