Da esquerda para direita: Moacir Júnior, José Manuel Evaristo, Vitor Diniz, Renato Evaristo e Ricardo Alonso (Foto: Divulgação/Portuguesa)

Durante a apresentação do novo executivo de futebol da Portuguesa, José Manuel Evaristo, e do técnico Moacir Júnior, o dirigente Renato Evaristo explicou como ficará a Junta do Futebol com a eleição presidencial.

De acordo com Renato, o grupo já conversou com os candidatos para fechar um acordo.

“Quando fomos convidados para fazer parte dessa junta, foi levantada essa questão da eleição. O Alexandre Barros se comprometeu a deixar o cargo para a gente pelos próximos três anos caso seja eleito”, disse.

“Mas te um outro candidato também e a gente não achava legal começar o trabalho sem saber como ficaria depois. Procuramos o Fernando Tomé (da chapa Revolusa) e expusemos para ele essa situação. Ele nos deu a garantia que vai manter a comissão técnica e o grupo até o final do Paulista”, complementou.

Além de Renato Evaristo, outros nomes como Marcos Lourenço, Vitor Diniz, André Heleno E Ricardo Alonso, fazem parte da Junta. O último representa a Revolusa.

Até o momento, a única chapa confirmada é a Revolusa, de Fernando Tomé. O seu adversário deverá ser Alexandre Barros ou Antonio Carlos Castanheira.

ASSISTA À APRESENTAÇÃO DE JOSÉ MANUEL EVARISTO E MOACIR JÚNIOR

Veja também:

4 COMENTÁRIOS

  1. Se realmente existir união a coisa anda, mas com a presença desse rato imundo não acredito!!! Esse fdp perdeu seu maiores escudeiros, gente que estava ao seu lado a décadas. Caso a REVOLUSA leve essa, seria interessante manter o Moacir e o executivo, e claro trazer o Marco Antonio pra outra função!!! Quem sabe um aux., gerente, sei lá….o que não pode é deixar de cumprir a palavra, vcs mostrar que somos diferentes desse rato, seu pai, outro fds e claro esses aldeões que vendem vaga, tiram time de campo e pra completar a imundice…vai votar no Corinthians!!!

  2. O AB quis administrar tudo sozinho, pensando que sabia tudo e mostrou que nao sabia nada. Agora quer delegar . Mas não podemos deixar qua ele seja reeleito. Quem sabe outras pessoas tenham mais visão do futebol e administrar melhor a nossa Lusa. O gramado tem que ficar em ótimas condições e os gramados do CT também para que os jogadores possam praticar um bom futebol. Que o próximo diretor e o técnico sejam exigentes nas condições dos gramados. E assim melhorar o nosso futebol que tanto nossa torcida quer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here